um dia desses

 

No palco, a abelinha fazia zum zum e mel.

Sob a lona, em meio às gentes, eles se pegavam.

Boca com boca, barba com barba, pele roçando.

Redondo, sem panfleto, sem exibicionismo. Só um tesão que não cabia em si.

Volta e meia me lembro.

Mexeu comigo, aquilo, menino.

Sobre mistakegirl

Vaca profana por princípio e vocação... la leche buena toda em mi garganta, la mala leche para los puretas... Ver todos os artigos de mistakegirl

8 respostas para “um dia desses

  • O Pior Homem do Mundo

    “Barba com barba”?… Nhac!!!! Que nojo! Tô nem aí!

    Mis,

    você escreve muitíssimo bem, tem espírito, é culta e é inteligentíssima. É essa a razão porque venho aqui. Não vou deixar para um dia desses, a ocasião de te apresentar um amigo, que vive na Lapa, RJ, que é (ou era, porque deixou de escrever há quase dois anos e suponho que tenha sucumbido, não sei, não sei, não sei, já assisti à morte trágica de vários blogueiros… A Mara Fortuna, a) como você:

    Alguém que me olhava de soslaio, de revés, até me entender:

    http://sobretudodelona.wordpress.com/2009/05/04/tanto-mar/

    É o cara mais inteligente que conheci na “blogosfera”. Leia esse post para me entender sob o olhar de uma pessoa inteligente e leia outros posts dele, porventura agora póstumos, para entender a sua inteligência.

    Jamais haverá amizade, amor, tesão, qualquer sentimento de apreço e de identificação, se não houver admiração.

    But, assuntos gaiosos não é, really, a minha praia. Sou um homem lésbico 250%. e do post só gostei da abelhinha, do feminino.

    • mistakegirl

      Dear Worst,
      Obrigada pelos elogios, sei que são sinceros e me envaidecem.
      Sabe que Mr. Almost me parece um apelido deveras mais interessante?
      Adorei o blog, que está nos favoritos para ser lido com calma. O sujeito parece muito bom mesmo, e espero que suas suspeitas sejam infundadas. Ele tem um e-mail, você tentou contato?
      Eu, de minha parte, fico ainda entre o soslaio e a compreensão, embora prescinda do “revés”.
      Vamos em frente,
      as recomendações usuais,
      Mistake.

      • O Pior Homem do Mundo

        Txiiiii… Não devia escrever aqui após um jantar de amigos que nos enchem constantemente o copo. Que porre, rsrsrsrs! Falei demais, deixei frases a meio… Nossa!

        Mis,

        Não são elogios, honey, são constatações minhas.

        Mr. Almost é, como se sabe, o agente secreto ao serviço do
        P(r)iorado. O nome completo dele é Zero Zero Almost Eight, é um 007 de última geração, quase um 008. É bom moço, muito eficaz e tal, mas é um bocadito mulherengo… Se bem que, por aquilo que se vê por esse mundo afora, ser-se um bocadito mulherengo não é mais um “mas”, é já quase uma qualidade.

        Pensei no e-mail, yeah! Mas não o contatei: na altura pensei que ele queria ficar só, lidando com a sua solidão. Agora não sei o que pensar. A solidão é… algo duro de ser vivido.

        Beijo, e obrigado pela sua atenção, e pelo carinho e paciência com que me tem recebido.

        • O Pior Homem do Mundo

          Contatei uma amiga minha por quem ele tinha uma dedicação e uma paixão enorme e com quem mantinha uma relação de confidência, de entrega e de proximidade extrema… E ela diz:

          “Finalmente hein, doutor Pior! Sei que estou ficando “passadinha”, mas, vê se disfarça e não me abandona! Sinto saudades – até mesmo quando você acaba comigo! (ó o drama…)

          Saudades também do Gê. Já liguei (telefones não existem mais), já mandei emails, já procurei. Ele sumiu. Evaporou. Então, nem sei se está bem. Minha opinião é que ele deve ter arrumado uma dessas “mulherzinhas ciumentas” – porque toda vez que meus amigos somem de mim é porque arrumaram uma namorada e as namoradas não gostam muito da minha pessoa. Acontece sempre, já não me aborreço mais.

          ele aparecerá no tempo certo. mas, você, vê se de vez em quando passe aqui pra dar beijinhos e destilar sua ironia que tanto me diverte. Sei que seu harém é ciumento, mas, não esquece de mim”…

          So, o Geraldo sumiu mesmo!

  • Miller

    Gosto dessa forma de escrever, de como incita o desejo, a imaginação dos corpos se tocando, do clima tenso.
    Bom de ler, bom de imaginar. Na verdade não quero imaginar barba com barba não mas td bem.

  • Maria

    É estranhamente excitante…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: