Godot

Toda a espera é em si, um gozo.

A espera pela festa de aniversário.

Pela viagem para Muriqui.

Pela prova para a qual se estudou.

Pela boca, cuja proximidade a tudo arrepia.

Pela broca do dentista.

Pela mala.

Por ele que está por entrar, em minutos, por aquela porta.

Pelo dia marcado.

Pelo sexo que se anuncia.

Pelo puxão da depiladora.

Pelo tapa.

Pelo tempo de não mais pensar.

Por eles que um dia vieram, e eu fui tão mais que eu.

Pela chuva, pelo sol, pela neve, pelo natal.

Pelas mãos.

Pela nota onde finda a introdução e começa o canto.

Pelo pau que se aproxima.

Pelo gozo.

Por eles, que agora vêm, e eu me desfaço em mim.

 

A espera é o arrepio da alma.

 

Sobre mistakegirl

Vaca profana por princípio e vocação... la leche buena toda em mi garganta, la mala leche para los puretas... Ver todos os artigos de mistakegirl

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: